Taylor Swift já brigou muito por seus direitos em várias plataformas de streamings de músicas, alegando que todos os artistas recebem muito pouco para disponibilizar todo seu trabalho. Agora, segundo o TMZ e a Entertainment Weekly, a cantora pode deixar de vez esses sites e lançar o seu próprio “Spotify”.

Segundo o TMZ, Taylor já assinou vários documentos que permitem ela criar em seu nome um site com conteúdo multimídia não disponível para download e vários produtos musicais como guitarras e baquetas. Já o Entertainment Weekly diz que a plataforma poderá conter também muito conteúdo exclusivo da cantora para os fãs.

Já vimos que a investida do Jay Z com o streaming Tidal não foi lá um sucessão, nem com o tanto de apoiadores que ele teve: a própria esposa Beyoncé, Madonna, Rihanna, Nicki Minaj e outros. Esse novo serviço da Swift pode ser bem caro e ter um futuro parecido com o Tidal, mas não tem como saber, né? Só queremos saber mesmo se vai ter Katy Perry pra gente ouvir, rs.